168 horas

November 7, 2018

Se existe uma coisa que não muda é o fato de que a semana de qualquer um de nós tem 168 horas.

São 7 dias de 24 horas cada. 7 x 24 = 168!

Nessas 168 horas voltas do ponteiro menor do relógio vivemos o tempo que o tempo tem e nos deliciamos com os prazeres e percalços do caminho da vida. Sofremos, sorrimos e vamos tocando o barco adiante esperando o término de nosso estoque momentâneo para gastar as próximas 168 horas da semana seguinte, já que, na grande maioria dos casos, deixamos para o início da “próxima semana” que começará apenas na segunda-feira.

Ao longo de 1 semana, o que fazemos de nosso dia-a-dia é de exclusiva responsabilidade nossa, não cabendo apontar culpado em direção alguma pelas tolices a que destinamos nosso tempo. Se dormimos demais ou dormimos pouco, se temos uma agenda lotada e não conseguimos ir a academia, se temos falta do que fazer e resolvemos abraçar a preguiça, enfim, cada acontecimento que demanda minutos ou até mesmo horas é de nossa única outorga.

Quando atendo um coachee, por exemplo, sempre digo que durante aquela sessão de coaching, ele pode se sentir seguro e muito protegido pela minha presença e pelo rapport gerado pela situação, porém, as outras 166 horas serão por conta e risco dele exclusivamente.

Será ele quem determinará os rumos do restante do tempo que detém por estar vivo. As decisões caberão a ele e, digo sempre, “escolha bem!”.

 Se temos uma semana muito agitada e cheia de compromissos é muito comum dizer para quem encontramos que a vida está corrida e que não temos tempo para nada, como se o fato de ter agenda abarrotada de eventos fosse um troféu que queremos falsamente desdenhar, já que, para os olhos da sociedade moderna, a quantidade de ações assumidas é que define a importância de uma pessoa, e não a qualidade da atenção e zelo pelo tempo disponibilizado aos fatores mais relevantes.

Temos uma cultura que enaltece o “ocupismo” sem levar em consideração o desequilíbrio que esse excesso de envolvimento pode causar na vida de qualquer um. Temos a convicção de que quanto mais ações dispensarmos nossas 168 horas, mais respeito teremos aos olhos dos outros.

Mas a questão não é quantas coisas você faz ao longo da semana, mas sim como faz as coisas ao longo da semana!

Uma reunião que era para durar 60 minutos dura 90. Um texto que lavaria 45 minutos gastou 60 minutos e um café de 15 minutos que demorou 30...eis que lá se foram 60 minutos desperdiçados com o que chamamos de ações circunstanciais, ou seja, tomadas de decisão do usufruto do tempo que não levaram a lugar nenhum.

1 hora do seu precioso tempo limitado da semana gasto em...nada! Se essas três ações e repetirem ao menos duas vezes em um único dia, eis que você jogou ao vento nada mais que 10 horas de atividades em apenas 5 dias de trabalho. E isso é mais que um dia normal de trabalho de 8 horas por dia.

Quando assumimos a responsabilidade de usar o tempo de uma atividade em outras que não fazem parte daquela ação original, estamos assumindo claramente a perda de autoridade sobre nossa vida e, assim, acabamos por pagar uma preço às vezes alto demais, fazendo constantes horas extras, levando o trabalho para casa e deixando de experimentar a essência da vida, curtindo a família, as necessidades individuais e explorando outras experiências.

A cada uma das 168 horas que temos o privilégio de experimentar a vida, seja no trabalho ou em casa, temos o dever de estar presente de corpo e alma, vivenciando a experiência única daquela situação que nunca mais se repetirá. Mesmo que sejam as mesmas pessoas e o mesmo tema, nunca será igual!

Temos a oportunidade de fazer valer a pena cada instante pois não sabemos se está programada uma nova carga de 168 horas para a próxima semana.

Então, como eu digo sempre, escolha bem o que você fará com as suas horas.

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Como ter sucesso no vestibular sem surtar

October 21, 2019

1/10
Please reload

Posts Recentes

June 24, 2019

May 15, 2019

May 8, 2019

April 24, 2019

Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Siga
  • Instagram Social Icon
  • Facebook Basic Square

©2017 por Newton Camargo Jr.